Doutoranda do CECS ganha bolsa IMFAHE

Joana Fillol, doutoranda do CECS, ganhou uma bolsa de 4100 dólares para estagiar na Emerson College (Boston, EUA) no âmbito do programa IMFAHE.

IMFAHE é a sigla de International Mentoring Foundation for the Advancement of Higher Education, uma instituição sem fins lucrativos fundada em 2015, com sede em Boston (EUA), cujo objetivo é proporcionar oportunidades de carreira transformadoras para jovens investigadores. Na edição de 2022/23 participaram no programa 120 estudantes de oito universidades da Península Ibérica.

A Universidade do Minho (UMinho) é uma das parceiras do IMFAHE, através do seu Gabinete de Projetos Especiais. Em novembro passado, abriu candidaturas para selecionar vinte estudantes de doutoramento de várias áreas científicas da UMinho para participarem neste programa no presente ano letivo.

A cada participante é atribuído um mentor, de entre um painel constituído por profissionais altamente qualificados que trabalham em prestigiadas instituições (universidades e empresas) a nível internacional. Esse profissional ajuda os participantes oferecendo, em reuniões periódicas, aconselhamento aos doutorandos e ajudando-os no desenvolvimento de um plano de carreira. Além disso, os participantes têm ainda acesso a uma série de cursos online sobre desenvolvimento profissional, inovação, empreendedorismo, liderança e carreiras científicas, dados por especialistas de todo o mundo.

Outra mais-valia do projeto é que dá acesso a bolsas de excelência para a realização de estágios de dois ou três meses no estrangeiro, financiando a estadia dos vencedores com um valor que varia entre os 4000 e os 5000 dólares.

A bolsa IMFAHE que Joana Fillol ganhou, no valor de 4100 dólares, foi divulgada pelo Gabinete de Apoio a Projetos do CECS e é patrocinada pela Universidade do Minho. De acordo com a doutoranda, o estágio deverá realizar-se na Emerson College, em Boston, nos Estados Unidos.

[Alterado: 14-02-2024 | Publicado: 02-06-2023]